13 outubro 2015

Direto do GOTO SECO!


AS TAXAS!

Um dos assuntos mais comentados na mídia, nos bares, nas ruas, nos hospitais, seja lá onde, é o problema das Taxas!

Quem nunca ouviu: “sobe a taxa de desemprego no Brasil”? Ou também quem já não ouviu: “minha taxa de colesterol está alta!”?.

Vemos a correria rumo ao equilíbrio que muitas pessoas buscam em função de manter suas taxas “normais”, dentro da média, que assustam nos resultados de exames e pesquisas estatísticas da economia. Assim também tenta o governo manter um equilíbrio nas taxas, seja de juros, de analfabetismo, de mortalidade infantil, de criminalidade, de miséria que muitas vezes sobem e diminuem com facilidade.

As consequências da subida da taxa são várias, mas de imediato vem o mal estar: no indivíduo surge a pressão alta, a baixa, febre, náusea e até desmaio. No governo surge a pressão alta, a baixa, demissões, CPI’s, operações, prisões, manifestações e desinteresse de outros. Mas a pior taxa que existe é a corrupção, pois roubam taxas, cobram taxas e aumentam taxas de problemas na cidade. E o pior: não resolvem nada, ainda fazendo aumentar a taxa de raiva do povo, quando os tratam como burros ou preguiçosos!!



O imposto sobre tudo que pagamos todos os dias e que trabalhos metade do mês só para isso... cadê?! Essa taxa só incomoda a gente, o povão, que acaba doente, enquanto que para o governo essa taxa é um santo remédio para cobrar mais taxas.

Por enquanto não temos taxas a nosso favor, a não ser quando conseguimos controlar a taxa de triglicerídeos, a taxa de glicose, a taxa de colesterol e outras que, com muita dificuldade, são difíceis de controlar com o salário que ganhamos.

Deveria haver um projeto do governo para que as pessoas doentes não fossem obrigadas a pagar taxas de impostos sobre alimentos e remédios, garanto que sobraria até dinheiro para comprar aqueles produtos dietéticos e light para baixar as taxas, que tanto os médicos recomendam, mas que poucos compram por serem tão caros.

Mas quem tem dinheiro controla as taxas e tornasse quase imortal – não viu Alencar... quase que não morria! Enquanto isso não acontece, fiquemos de olho nos políticos safados que adoram meter o pau no aumento das taxas, mas que se falar de suas regalias, auxilio moradia, sobre a taxa de seus aumentos, fica o silêncio total!

Vamos ficar de olho nesses e nas taxas, seja ela a que arrasa nosso corpo, seja aquela que arrasa nosso bolso.


Cadu Araújo
Movimento Alternativo Goto Seco


0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário