04 dezembro 2015

Projetos Câmara Cultural e Câmara Cidadã são alvos de investigação do Ministério Público

A promotora de Parnamirim, Juliana Limeira, de acordo com publicação no Diário Oficial do Estado, decidiu instaurar inquérito civil público “para apurar suposto superfaturamento em contratações realizadas pela Câmara de Vereadores de Parnamirim, para viabilização dos eventos Câmara Cidadã e Câmara Cultural (Contratos n. 012/2015 e 016/2016 e Contrato de Cooperação n. 017/2015), bem como possível DESVIO DE FINALIDADE DESTES EVENTOS (itens 3 e 6 da denúncia)”.

Pois é...

SUPERFATURAMENTO DE CONTRATOS e DESVIO DE FINALIDADE DESTES EVENTOS.

Esses projetos eleitoreiros travestidos de ações comunitárias podem guardar muitos mistérios e surpresas nos porões das casas legislativas. 

Alô Ministério Público de Ceará-mirim!
Por aqui pode estar ocorrendo algo bastante semelhante.

0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário