16 dezembro 2015

"Se confirmadas as irregularidades, o município vai punir", afirma prefeito de Mossoró

O prefeito Francisco José Júnior se pronunciou a respeito da Operação DESMOB, deflagrada pelo Ministério Público, e que resultou no afastamento do secretário de Mobilidade Urbana, Charlejandro Rustayne e outros servidores. De acordo com o gestor, se confirmadas as irregularidades apontadas pela investigação do MP, o município irá punir os envolvidos.


"Confirmadas as irregularidades, o município vai punir. O Ministério Público tem a função de fiscalizar e isso é muito importante para a nossa sociedade e para a própria gestão. A nossa Procuradoria Geral foi ao local da Operação, mas ainda não teve acesso a detalhes do processo”, afirmou o prefeito

Ainda segundo o gestor municipal, a Prefeitura vem combatendo, desde que ele assumiu o comando do Poder Executivo, toda e qualquer ação relativa a recebimentos indevidos. “Quando assumimos, determinamos uma auditoria na folha de pagamento, que culminou com a descoberta de mais de 600 servidores fantasmas. Também cortamos horas extras, plantões”, reforçou Francisco José Júnior.

Por Mossoró Hoje
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário