03 fevereiro 2016

Prefeito Peixoto não paga IPTU e é executado pela prefeitura de Natal. Cadê o exemplo?

Já em Ceará-mirim, o prefeito Peixoto deu uma de cobrador e já avisou aos pobres devedores: "Se você não quiser ir pro SPC/SERASA, pague seu IPTU".

No final de 2015, o prefeito de Ceará-mirim, Antonio Peixoto, conseguiu aprovar uma lei que autoriza o executivo a colocar os cidadãos em débito com o município no SPC/SERASA.

Mas isso não é mais novidade. Afinal, todo mundo sabe que tem uns vereadores que fazem tudo que o executivo manda. Inclusive um deles disse que a câmara seria um anexo do executivo.

Também não é novidade que o prefeito já avisou em uma rádio que recebe dinheiro da prefeitura, da câmara e do SAAE: "Se você não quiser ir pro SPC/SERASA, pague seu IPTU, suas dívidas com o município".

A novidade interessante é que o próprio prefeito é DEVEDOR de IPTU na cidade de Natal, conforme mostra o processo que tramita na 3ª Vara de Execução Fiscal Municipal e Tributária.


Se em Ceará-mirim, um vereador, uma secretária e uma empresa do pré-candidato do prefeito estão respondendo a execuções fiscais
movidas pelo município e, em Natal, o próprio prefeito não paga os
tributos municipais, o que dirão agora os defensores do indefensável?

Como diria o filósofo Jônatas Lima: "Que comece o Mi-Mi-Mi"!




0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário