03 fevereiro 2016

Em Ceará-mirim as autoridades ignoram o perigo

Em Ceará-mirim, nada, ABSOLUTAMENTE NADA, está sendo feito para que se tenha um combate efetivo ao mosquito Aedes aegypti, o famoso “mosquito da dengue”.

Na contra mão da cruel realidade que afeta o país, as autoridades públicas de Ceará-mirim não estão movendo uma palha sequer para proteger a população e ignoram todos os riscos aos quais nosso povo está sendo exposto.

Em Ceará-mirim não existe nenhuma campanha de conscientização da população. A impressão que temos é que os gestores da saúde do município não enxergam que o problema existe e a rádio comunitária, que recebe dinheiro da prefeitura, da câmara e do SAAE, não veicula nada que possa ajudar, orientar, incentivar e conscientizar a população do grave risco que todos correm com este mosquitinho solto por aí, transmitindo a DENGUE, a CHIKUNGUNYA e o ZIKA VÍRUS, que vem sendo apontado como o causador de inúmeros casos de MICROCEFALIA no município, no estado e no país.

Um problema que já tomou proporções mundiais e que fez a OMS – Organização Mundial de Saúde – declarar ESTADO DE EMERGÊNCIA EM SAÚDE PÚBLICA GLOBAL, em Ceará-mirim parece não incomodar os que recebem dinheiro para cuidar do povo.

É uma situação lamentável, ridícula e, porque não dizer, CRIMINOSA.

Quantas pessoas precisarão adoecer?

Quantos bebês precisarão nascer com MICROCEFALIA?

Quantas famílias ainda precisarão sofre e quantos inocentes precisarão morrer para que o governo municipal abra  os olhos para este sério problema, arregace as mangas e mostrar algum fiapo de competência?


Diante desta triste situação e da inércia dos nossos gestores, o Blog do Gordo publicará diariamente matérias e informativos com dicas para ajudar no combate ao Aedes aegypti.

Para começar, o Blog do Gordo sugere aos leitores que façam sua parte. Conversem com seus amigos, com seus vizinhos e discutam com suas comunidades formas simples e eficazes de ajudar a exterminar o maldito mosquito. Estudos mostram que apenas 15 minutos por semana são suficientes para que se faça uma vistoria nas suas casas em busca de focos do mosquito.

Para não dizer que não fez nada, a prefeitura disponibilizou o telefone 3274-2219, para que as pessoas possam ligar, denunciar e informar o local dos focos. Além de disponibilizarmos nesta matéria, o número ficará sempre visível na na lateral superior do Blog do Gordo.

TODOS CONTRA O AEDES AEGYPTI!
VAMOS TODOS FAZER A NOSSA PARTE!


0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário