26 fevereiro 2016

Verador Heriberto desmente o vereador Jácio

Depois da repercussão sobre o requerimento que NÃO foi apresentado pelo vereador Jácio Praxedes solicitando a convocação da REALCE, na sessão desta quinta-feira (25) uma revelação curiosa chamou a atenção de todos...

Em seu pronunciamento, o vereador Jácio Praxedes disse que na sessão da terça-feira (23) não teria apresentado o requerimento convocando a REALCE, porque como teria um outro requerimento para uma audiência pública sobre o transporte escolar, ele achou que seria complicado a discussão de dois assunto tão importantes na mesma sessão.

Mas depois disso, veio o mais curioso...

O vereador Jácio Praxedes continuou e disse que não teria apresentado o requerimento, porque o vereador Irmão Heriberto teria pedido para que ele o deixasse apresentar.

Aí veio o esclarecimento... Ou seria o "desmentido"?

O vereador Irmão Heriberto, quando fez uso da palavra, disse que se sentia constrangido, mas como sempre prezou pela verdade, não poderia deixar de esclarecer um fato.

Já dá pra adivinhar o que foi? Não? Então continue lendo...

Simplesmente, o vereador Irmão Heriberto revelou que a memória do vereador Jácio poderia o estar traindo. Esclareceu, então, que foi o vereador Jácio que teria lhe procurado e dito que havia desistido de apresentar o requerimento e pediu que ele o fizesse. Disse ainda que não poderia deixar de esclarecer esse fato para não passar por mentiroso como "muitos" andam falando por aí.

Depois disso, o vereador Jácio Praxedes foi pra lá e pra cá... disse isso, disse aquilo... "é, é... a palavra dele conta a minha, né?"... "se a pessoa quiser apresentar apresenta, se não quiser, não apresenta".

No final, Heriberto, Lila, Nequinho e Jácio votaram a favor da convocação da REALCE.
Já os vereadores da bancada do DESgoverno não quiseram nem ouvir falar no assunto.

Agora que já sabemos porque o requerimento não foi apresentado pelo vereador Jácio, ficam as perguntas:

- O que realmente fez o vereador Jácio Praxedes desistir de apresentar o requerimento de convocação da REALCE?

- Afinal, o que será que está por trás disso tudo?

- Será que estão com medo de abrir CAIXA PRETA da empresa que foi apontada pela CGU por ter um CONTRATO ILEGAL com o município, no valor de R$ 51.597.938,88?

Bem, isso aí é coisa para a próxima matéria sobre o ESCÂNDALO DA REALCE!

Enquanto isso, vão pensando em uma reposta para esta outra pergunta:




 

0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário