28 março 2016

Já vai tarde! Henrique Alves deixa o governo e se alia ao golpe para tentar escapar da Lava Jato

Depois de anos cumprindo o seu papel de prostituta política, o PMDB seguirá a mesma linha de sempre: vai fazer ponto nas esquinas para se escorar no primeiro que oferecer um pouco mais de vantagem.


Hoje, Henrique Alves, aquele candidato que foi derrotado de forma humilhante nas eleições de 2014 para o governo do RN e que ocupava o Ministério do Turismo, entregou sua carta de demissão.

O ex deputado federal, ex futuro governador e, agora, ex ministro de estado, passa a compor a milícia de PMDBistas que vem agindo para selar o golpe na democracia brasileira para que continuem sendo a putinha de luxo do poder em Brasília.

Com o seu nome enlameado na operação lava jato e também mencionado na lista da Odebrecht, será que vai dar tempo dele e da sua turminha escaparem antes de deflagrarem o golpe para enterrarem a operação de Sérgio Moro?

Apesar da delicada situação da Presidenta Dilma diante da debandada dos aproveitadores PMDBistas, alguns setores do PT comemoraram a saída do aproveitador com um sonoro "JÁ VAI TARDE!"

O nome de Henrique Alves é o mais bem "remunerados" do RN na lista da Odebrecht.

0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário