05 março 2016

Vem mais chumbo grosso por aí! CMS vai cobrar explicações da secretaria de saúde de Ceará-mirim

Na próxima terça-feira (08), o CMS - Conselho Municipal de Saúde de Ceará-mirim se reunirá para cobrar explicações sobre a prestação de contas de 2014 e discutir assuntos que prometem dar muita dor de cabeça aos gestores da pasta. 


Resta saber se a reunião acontecerá ou se, mais uma vez, os conselheiros ligados à secretaria irão boicotar para que não aja quorum suficiente, como ocorreu no último dia 16 de fevereiro, quando deveria acontecer uma reunião no auditório do Hospital Percílio Alves e nem a diretora do hospital compareceu.

Na pauta para a reunião do dia 8, vários assuntos que não estão claros e que precisam ser esclarecidos. Afinal, envolvem o dinheiro do povo que está sofrendo com o péssimo serviço oferecido à população. 

Divergência entre o número de cargos comissionados contido no RAG e os contidos nas folhas de pagamentos.
- Será que os fantasmas também estão assombrando a secretaria de saúde? SERÁ? 

Carga horária dos médicos.
- Este assunto já é de conhecimento público e foi até motivo de pronunciamento na Câmara Municipal, onde o vereador Clécio Junior confessou que tem conhecimento, desde o início do seu mandato, que os médicos NÃO CUMPREM suas cargas horárias. Na época, o vereador confessou também que conversou com a secretária e que ela afirmou que já tinha conhecimento deste fato mas que nada podia fazer. Será que os médicos continuam trabalhando do jeito que querem? SERÁ? 

Ausência das ordens de abastecimento por/carro e o diário de tráfego.
- O uso de combustíveis e a prestação de contas dos abastecimentos, já foi alvo em uma audiência no Ministério Público, que deu prazo de 30 dias para que o secretário adjunto fornecesse todos os comprovantes. Prazo este que já venceu. Será que foi cumprido? SERÁ? 

Funcionários que estão prestando serviço a outros órgãos.
- Com o CAOS na saúde do município, será que a secretaria de saúde pode se dar ao luxo de ceder funcionários para outros órgãos? SERÁ?







0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário