10 maio 2016

Enquanto em Ceará-mirim o prefeito faz o que quer, em Areia Branca os vereadores cassam a prefeita

Vereadores de Areia Branca cassam mandato da prefeita Luana Bruno

A Câmara Municipal de Areia Branca votou e aprovou o relatório final da Comissão Especial de Inquérito (CEI), instaurada para apurar denúncia de aponta supostas irregularidades na administração da prefeita Luana Bruno (PMDB), resultando assim na cassação da gestora.

A prefeita foi denunciada por irregularidades em licitação com supermercado, ausência de pagamento do 13º salário na data prevista em lei, pagamento de despesas de pessoal irregulares e pagamento de servidores públicos por empresas contratadas para mão-de-obra.

Já na votação da primeira denúncia, a cassação foi aprovada por dois terços dos vereadores da Casa. Assume o comando do Poder Executivo a vice-prefeita Lidiane Garcia (PMN).

Com o resultado, o presidente da Câmara, Francisco José de Souza Neto (PP), declarou cassado o mandato da prefeita Luana e ainda deu posse a Lidiane Garcia, já no final da sessão desta terça (10).

Também foi considerada procedente a denúncia que aponta pagamento de servidores públicos por empresas contratadas para mão-de-obra.

A Comissão foi instaurada no dia 20 de janeiro, a partir de denúncia formulada pelo presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Areia Branca (Sinspumab), José Pedro Neto. A CEI é presidida pelo vereador Duarte Júnior (PTN), e relatada por João Ferreira Tavernard Souto Neto (PP).


0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário