21 outubro 2016

Operação Lei Seca registra prisão de foragido do presídio de Alcaçuz

No intuito de inibir a combinação álcool e direção a equipe da Lei Seca do Detran/RN realizou na madrugada de hoje (20) mais uma blitz na avenida Engenheiro Roberto Freire, no bairro de Ponta Negra, zona Sul da capital. Durante a fiscalização os policiais capturam um foragido do presídio de Alcaçuz identificado como Caio Fábio de Oliveira. Ele foi flagrado dirigindo sob efeito.

Outros 19 condutores tiveram as CNHs retidas por se encontrarem sob influência de bebida alcoólica. Desse total, seis foram presos acusados de crime de trânsito e conduzidos a Delegacia de Plantão Zona Sul. Nessa situação o exame de alcoolemia dos condutores registrou 0,34 ou mais miligramas de álcool por litro de ar expelido.

O motorista flagrado dirigindo embriagado comete uma infração gravíssima e é punido com retenção da CNH, além de multa no valor de R$1.915,30 e suspenção do direito de dirigir por 12 meses. No caso de crime trânsito, o condutor é preso e responderá penalmente pelo crime, que pode resultar em punição de seis meses a três anos de prisão.

O coordenador da Operação Lei Seca no RN, capitão Isaac Paiva, ressaltou a importância de não conduzir veículo automotor quando o motorista ingerir bebida alcoólica e alertou para o reajuste no valor da multa para aquele condutor que desrespeitar a legislação. “A partir de novembro a punição por beber e dirigir vai ser reajustada, chegando a R$ 2.934,70, o que é mais um motivo para o condutor cumprir a lei e zelar pela segurança no trânsito”, comentou.

Durante a blitz os policiais lotados na Operação Lei Seca apreenderam ainda seis veículos com irregularidades. Os automóveis foram removidos ao pátio de apreensão veicular do Detran/RN e somente serão liberados após a regularização das pendências registradas.



0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário