29 outubro 2016

Prefeito renuncia ao cargo após morte da esposa

Elizeu Mattos preferiu se dedicar aos filhos, que são menores de idade


O prefeito de Lages (SC), Elizeu Mattos (PMDB), renunciou ao cargo nesta quinta-feira, após a morte de sua esposa. Mattos preferiu ficar com os seus filhos, que são menores de idade. O vice-prefeito, Toni Duarte (PPS), assumiu o cargo no mesmo dia.

Na carta de renúncia, que foi enviada e aceita pela Câmara dos Vereadores, o político garante que a decisão não está relacionada à administração pública.

Cada vez fico mais convicto de que devo dedicação integral aos meus filhos nesses primeiros meses de ausência da mãe, pois cabe primeiramente à mim a responsabilidade de protegê-los, considerando que os os avós maternos e paternos residem fora do município de Lages”, diz o texto.

A primeira-dama de Lages, Cristiane Garcez Mattos, morreu no dia 16 de outubro, aos 40 anos, de câncer. O prefeito já havia desistido de concorrer à reeleição para ficar com a família, e também havia pedido uma licença do posto.

Após assumir o cargo, Toni Duarte afirmou que entendia as razões para o afastamento, e agradeceu o apoio de Mattos. O novo prefeito comanda na próxima segunda-feira uma reunião com toda a equipe, para dar prosseguimento ao processo de transição para o futuro governo de Antonio Ceron (PSD), eleito no início de outubro.


0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário