01 novembro 2016

SINTE e sindicatos cobram do governo calendário de pagamento dos servidores


O SINTE/RN participou da audiência entre o Gabinete Civil e os representantes dos principais sindicatos do RN. A reunião aconteceu nessa segunda-feira (31). Na ocasião, o assunto em destaque foi o calendário de pagamento dos meses de outubro, novembro, dezembro, bem como o décimo terceiro salário e o 1/3 de férias a ser pago em janeiro de 2017.

De acordo com o governo, os salários de outubro dos/as professores da ativa, devido aos recursos do FUNDEB, devem começar a ser pagos nesta terça-feira 1º. Em compensação os/as aposentados e pensionistas estão sem calendário de pagamento.

TRANSFERÊNCIAS DE RECURSOS SUPERAVITÁRIOS DOS PODERES INDEPENDENTES

Os sindicatos também discutiram a possibilidade de sensibilizar os órgãos dos poderes independentes que estão com as receitas com superávit. O objetivo é conseguir recursos para garantir o pagamento das folhas dos servidores.

ENVIO DE RECURSOS ORIUNDOS DA REPATRIAÇÃO DE IMPOSTOS ORIUNDOS E CONTAS BANCÁRIAS

A segunda questão tratada foi o envio por parte da União da cota destinada ao Estado oriundos da repatriação de impostos e contas bancárias, que está estimada em 11% do Fundo de Participação do Estado. A ideia é conseguir mais uma fonte de pagamento dos salários do funcionalismo do RN. Em resposta o governo informou não saber as datas que esses repasses acontecerão.

RECURSOS DOS DEVEDORES E SONEGADORES DE IMPOSTOS AO ESTADO

Na ocasião, também foram debatidos os recursos dos devedores e sonegadores de impostos ao Estado. E conforme acordado em audiência entre o Sindicato, os/as trabalhadores/as em educação aposentados/as e o Gabinete Civil, realizada em outubro, foi enviado à Assembleia Legislativa um projeto de Lei sobre o assunto.

O projeto já foi aprovado e agora o governo convocará a FIERN para tratar do assunto. Segundo a chefe do gabinete, a reunião ocorrerá nesta terça-feira (01/11).

SINTE/RN CONTINUARÁ NA LUTA

Fátima Cardoso reafirmou que o pagamento das folhas dos servidores deve ser prioridade: “Todos os servidores, sobretudo os aposentados/as e pensionistas, não podem ficar sem receber ou amargando ter o seu pagamento realizado com atraso”.

Ela disse ainda que o SINTE continuará cobrando do governo o calendário de pagamento, assim como vai permanecer lutando pelo enxugamento dos cargos comissionados, contra as terceirizações e pela taxação das grandes fortunas e a recuperação do Fundo Previdenciário do RN.


0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário