11 dezembro 2016

Delatores estão recebendo ameaças de morte

Alguns delatores da Odebrecht estão recebendo ameaças de morte, afirma o jornalista Lauro Jardim, do Globo, em sua coluna deste domingo 11.


A bomba contra os políticos começou a explodir na sexta-feira 9, com a divulgação de uma longa lista de envolvidos em recebimento de propinas pela empreiteira, de diversos partidos - e apelidos.

A delação da maior empreiteira do País, que inclui cerca de 50 executivos, além do ex-presidente, Marcelo Odebrecht, atinge principalmente o PMDB e diretamente o presidente da República, Michel Temer.


0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário