26 dezembro 2016

O mestre mandou parar a farra: Ceará-Mirim PREVI cancela a construção do PALÁCIO DE R$ 600 MIL


No dia 25 de novembro, o Blog do Gordo noticiou que o Instituto de Previdência Municipal de Ceará-Mirim – CEARÁ-MIRIM PREVI – iria gastar uma pequena fortuna na construção de um palácio para servir como sua sede. [LEIA AQUI]

A despesa para a construção da obra palaciana seria de R$ 613.073,29. Valor que não inclui o terreno e nem o projeto arquitetônico feito pelo irmão do vereador Renato Martins, o arquiteto Antônio Augusto da Silva Júnior, que custou R$ 14.600,00.

Eis que na edição de hoje (26) do Diário Oficial dos Municípios, uma publicação trás a revogação do processo licitatório para a construção do PALÁCIO DA PREVIDÊNCIA.

Pois é! Parece que o mestre mandou parar uma das farras de final de gestão e deixou algumas pessoas bastante irritadas.

Resta saber se na próxima gestão o bom senso prevalecerá e este absurdo desperdício de dinheiro público será realmente evitado. Se assim for, ponto para o novo prefeito.




2 Comentários

2 comentários:

  1. Caro amigo Evandro Henrique, Gostaria de expor primeiramente a honra que tenho de ser filho de Augusto da Padaria, de ser Irmão de Renato Martins,de ser Arquiteto e coloco link para que saiba mais um pouco sobre meu trabalho como profissional: www.escavador.com/sobre/2777077/antonio-augusto-da-silva-junior
    Em Ceará Mirim, realizei o projeto e execução da Reforma da Matriz de Nossa Senhora da Conceição, estou reformando o antigo Ginásio Santa Águeda, onde futuramente será o Memorial Irmã Maria José, tenho projetos e obras em varias cidades do RN, a exemplo: Nísia Floresta, Pedro Velho, Santana do Matos e Natal.
    Não entendo sua admiração, acaso eu não tenho capacidade de ter realizado tal projeto?
    Meu profissionalismo nunca foi ou será apadrinhado por qualquer parentesco com político A ou B, prova do que estou falando é que durante a Gestão do Prefeito em exercício não tive espaço, mesmo tendo exercido cargos na Administração de Edinólia Melo.
    Então amigo não vamos aqui confundir alho com bugalho!
    Participei de um processo para construção da Sede do CearámirimPREV e ganhei, realizei o trabalho e recebi pelo trabalho ao qual me propus realizar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu caro Júnior. Confesso que não entendi bem seu comentário. Antes de mais nada, devo dizer que você deve ter muita honra mesmo de ser filho do Sr. Augusto, que é um ser humano admirável. Não sei onde você encontrou essa "admiração" ou espanto de minha parte pelo fato de ser você o arquiteto da obra faraônica do CM PREVI. Apenas o citei como arquiteto da obra e, sobre isso, não mencionei nenhum apadrinhamento. A matéria, meu caro, não é sobre qualquer relação pessoal sua que tenha favorecido a sua contratação, mas sim, sobre o desperdício de dinheiro que seria gasto em uma obra desnecessária e incompatível com a realidade da nossa gente. Sobre o processo licitatório que você venceu, eu nem sabia que tinha ocorrido, já que falta transparência naquele órgão e o valor do contrato estaria dentro do limite da dispensa de licitação. Portanto, meu prezado amigo, acho que quem confundiu o alho com os bugalhos não tenha sido eu. Grande abraço!

      Excluir