28 dezembro 2017

Governo informa que não há data para pagar dezembro e 13°; novembro está em aberto


Não há previsão para pagar o salário dos servidores estaduais relativo a dezembro, bem como o 13°. O mês de novembro ainda está em aberto e poderá ser pago até o dia 31 de dezembro. É o que afirmou a chefe do Gabinete Civil, Tatiana Mendes, em audiência com o Fórum dos Servidores Estaduais nesta quinta-feira (28). O SINTE/RN esteve presente à audiência.

De acordo com as informações fornecidas por Tatiana Mendes, o salário de novembro de quem recebe até 4 mil reais será pago nesta sexta-feira (29). Já o restante da folha poderá ser pago até o final de dezembro, segundo Tatiana. Ela ainda disse que o governo está trabalhando e à espera do depósito de recursos para quitar o restante da folha de novembro, possivelmente até sábado, dia 30.

Até o momento, segundo a chefe do Gabinete Civil, não existe data para quitar o salário de dezembro e o 13°. A alegação é que o governo está dependendo de recursos federais, mas que a forma como os recursos serão enviados ainda não foi definida.

Na audiência, o Fórum pediu uma audiência com o governador Robinson Faria. Porém, Tatiana Mendes alegou que o governador, no momento, não vai receber o Fórum, por estar descontente com a pressão exercida pelos servidores no ato do dia 18 de dezembro. Na ocasião, o governador foi vaiado pelos servidores. “Deixamos o recado de que a gente tem sido muito paciente, e que a disputa é acirrada e ele, enquanto gestor público, deve compreender isso”, afirmou a coordenadora geral do SINTE/RN, professora Fátima Cardoso.

O Fórum também solicitou uma audiência com os poderes Legislativo e Judiciário, para discutir acerca de soluções para os atrasos de salários. “Ficou para se discutir em 2018. O Gabinete Civil prometeu mediar”, explica Fátima Cardoso.

SERVIDORES PROTESTARAM PARA EXIGIR SALÁRIOS

Mais uma vez os servidores públicos estaduais protestaram para exigir o pagamento dos salários em dia. Trabalhadores da educação, saúde, polícia civil e de outras áreas se concentraram, nas primeiras horas da manhã, em frente à Vice-Governadoria. De lá os manifestantes partiram em caminhada até à Governadoria, no Centro Administrativo de Natal.

(Veja todas as fotos do protesto AQUI)

O ato se concentrou sob tendas armadas em frente ao prédio da Governadoria. Os trabalhadores do funcionalismo exigiram a regularização do pagamento dos salários, destacando o restante do pagamento do mês de novembro e o salário de dezembro deste ano e o 13°.

Uma comitiva composta por dirigentes dos sindicatos que compõem o Fórum Estadual dos Servidores se dirigiu até a lateral da Governadoria, que se encontrava fechada com grades, para tentar uma audiência imediata com a chefe do Gabinete Civil, Tatiana Mendes. Foi acordado que a audiência aconteceria por volta das 13h. Entretanto, o encontro entre o governo e os sindicatos só teve início às 16h30.
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário